Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2012

Como ajudar o seu filho a superar o medo?

Imagem
Como ajudar o seu filho a superar o medo ? Normalmente as crianças, tal como todas as pessoas, têm os seus medos. Entre os 3 e os 6 anos aparecem os primeiros, pois nestas idades as crianças confundem o mundo real com o imaginário e ainda não entendem o mundo que os rodeia. Quando perceber que o seu filho tem manifestações de medo , deve em primeiro lugar mostrar tranquilidade e segurança, falando sempre com carinho para ele. Os medos mudam com a idade, aparecendo e desaparecendo, podendo alguns ser prejudiciais para o desenvolvimento do seu filho, mas existem outros que não o são, como por exemplo o medo que o pode alertar para um acidente ou uma situação desagradável, como o fogo, o medo de cruzar a rua ou o medo em relação a estranhos. Os medos mais comuns são: medo do escuro, de pessoas desconhecidas, medo de tempestades, de animais ou de serem abandonados. Nestas situações, se o medo não está associado a uma situação desagradável pode ajudar o seu filho (com naturalidade) a super

Amamentação

Imagem
A tarefa de amamentar o bebé é muito importante, não só considerando que o leite materno tem componentes essenciais que nenhum outro alimento possui, como também pelo facto de a amamentação ser uma forma muito importante para gerar um vínculo saudável com o bebé e contribuir para a formação da relação com a mãe. Considera-se que amamentar o bebé durante os primeiros 6 meses de vida é essencial para a sua correcta e boa nutrição. Uma das vitaminas do leite materno é a B12, muito importante para o crescimento do bebé. Não nascemos com vitamina B12, pelo que o bebé deverá adquiri-la através da amamentação . Por isso a mãe deve certificar-se de que está a incluir as quantidades suficientes desta vitamina na sua dieta. Para além destes factores, o leite materno ainda contribui para dar ao bebé a imunidade natural contra inúmeras doenças, como por exemplo infecções, alergias, problemas gastrointestinais, etc.

As capacidades sensoriais do bebé

Imagem
Durante a primeira semana de vida do bebé , a sua visão é limitada, podendo concentrar a sua atenção nos objectos que estejam apenas a 20cm dos seus olhos. Esta é a distancia entre o bebé e a cara da mãe quando está a dar de mamar. Em poucas semanas a sua visão irá melhorando e começará a ver objectos que estão mais longe e que lhe chamem a atenção. A maioria dos bebés pode distinguir também diferentes formas. Apesar de não conseguirem distinguir todas as subtilezas da cara humana, a maioria dos bebés, consegue no entanto, distinguir um rosto humano de qualquer outra forma. Aproveite este facto para fazer contacto visual com o bebé e sorrir-lhe frequentemente. Ele irá devolver o contacto com os olhos quase de imediato e à medida que passe o tempo, irá também devolver um sorriso. A maioria dos bebés também tem uma capacidade limitada para seguir os objectos com a cabeça e os olhos ou somente com os olhos. Os bebés podem identificar o movimento apenas a uma distância curta e somente se