Mensagens

A mostrar mensagens de Março, 2012

Qual o peso certo do bebé?

Imagem
À medida que passam os meses você poderá vir a preocupar-se acerca do peso do seu filho e começar a colocar algumas questões. Será que o meu bebé está demasiado gordo? Será que está a crescer bem? No primeiro ano de vida da criança, o seu crescimento deverá ser feito dentro de determinados parâmetros, tendo sempre em conta o seu peso e altura. É por isso que o pediatra faz este controlo em todas as consultas para ver se está tudo bem. Se o bebé estiver demasiado pesado em relação à sua altura, o pediatra deverá aconselhá-la a tomar algumas medidas para controlar o peso. O mesmo acontece para os bebés demasiado magros. Neste caso o pediatra também deverá aconselhar sobre quais as medidas a tomar que que o bebé ganhe peso.

Como fortalecer os músculos do bebé

Imagem
Nos primeiros seis meses de vida o bebé toma o controlo sobre a maioria dos músculos do seu corpo, sendo este um processo continuo feito pela criança através da exploração e da prática. Mas o bebé também pode ser ajudado neste processo, através de exercícios que contribuam para o fortalecimento dos músculos do corpo. Seria bom que a criança não passasse o dia no berço mas que também pudesse estar no chão e ter a oportunidade de explorar as suas habilidades motoras. Ajudar o bebé na prática das suas novas habilidade motoras é bom para o desenvolvimento e fortalecimento dos músculos, mas deve-o sempre acompanhar e dar a ajuda necessária para que ele consiga deslocar-se por si mesmo.

As crianças e a televisão

Imagem
A televisão tem actualmente um lugar de destaque na maioria dos lares, sendo provavelmente a tecnologia com a qual as pessoas mais passam o seu tempo livre. Em relação aos nossos filhos é preciso actuar com responsabilidade quando os deixamos em frente à TV. Deve ter em conta alguns factores como por exemplo, o que os poderá afectar na programação televisiva. É necessário ter levar em conta que atitudes pouco correctas transmitidas pela televisão, logo desde a infância, poderão ser origem de futuras acções e comportamentos logo a partir da adolescência, como por exemplo imitação de estereótipos e imitação de conteúdos violentos. É recomendável não colocar as crianças com menos de dois anos em frente à televisão e depois desta idade nunca mais do que duas horas por dia, devendo ainda estar um dos pais presente para controlar o tipo de programa que está a ser visualizado pelo filho. Alguns estudos têm mostrado que as crianças que passam demasiado tempo em frente à televisão apresentam b